exibições 11.639
Foto do artista Yuzu

Hyori Ittai

Yuzu


Hyori Ittai

Woo, woo

Asa o musabori yoru o hakidashi
Ikan to suru waga saga
Wakitatsu kono kanjō wa
Shiro ka kuro ka

Mezasu mirai to oiteke bori ni shite kita kako
Nejire nagara guruguru to
Tsunagatte iru

Sugiyuku rasen ni me o hosomete
Fushigi na yume kara mi o noridashita

Hyōriittai yubi de hajiku koin ga sora ni mau
Boku wa ittai docchi no ketsumatsu negau
Hyōriittai hikari kagayaku hodo koku naru kage
Naraba doko e to mukatte yuku
Kasanatta futatsu no mirai

Woo, woo

Gūzen o kataru hitsuzen
Tsunagaru wakaremichi
Doko made mo itsu made mo
Tsui te kuru kage
Nomikomu no ka terashidasu no ka
Aragau no ka subete o yurusu no ka

Hikari kurayami

Aijō zōo
Onaji ne o motsu tsuyoi kanjō

Kioku no kanata nite o nobashite
Kimi no iru basho e to sotto izanatte

Hyōriittai yagate subete kieyuku sadame to shitta
Yueni zettai kono te dake wa hanasanai
Jōsha hissui aka ni somaru usu ake shoku no shōdō
Kusari o tachikitte mezameru ima
Miru n da tashika na sekai

In to you no hazama de
Kodō dake o kiiteiru
Ten to sen yo tsunagare
Ushinatta hibi no rekuiemu

Hyōriittai yubi de hajiku koin ga sora ni mau
Boku wa ittai docchi no ketsumatsu negau
Hyōriittai hikari kagayaku hodo koku naru kage
Kese nai kako sae hitomi sorasa nai

Kie yuku rasen ni me o korashite
Kōsa shita hikari to kage isshun no matataki
Isso kono mama ni toki o tojite
Kasanatta futatsu no mirai

Woo, woo

Dois Lados de Uma Mesma Moeda

Woo, woo

Devorando as manhãs e cuspindo as noites
Minha natureza é desprezível
Esse sentimento que cresce dentro de mim
será preto ou branco

O futuro que eu almejo e o passado que eu deixo para trás
Se retorcendo juntos, dando voltas e voltas
Eles estão conectados

Semicerradondo meus olhos para as espirais que passam
Como se eu estivesse na borda de um sonho estranho

Com os dedos tremendo, lanço os dois lados de uma mesma moeda ao céu
Qual final que eu desejarei
O brilho da luz e a escuridão da sombra são os dois lados de uma mesma moeda
Se é assim, então para onde vamos
Os dois futuros se alinham

Woo, woo

O inevitável mascarado como coincidência
Os caminhos divergentes que convergem
A sombra que me segue
Em todos os lugares, para sempre
Irei levá-la ou iluminá-la
Resistir ou perdoar tudo

Luz e escuridão

Amor e ódio
São emoções poderosas com as mesmas raízes

Estenda uma mão para os confins da minha memória
e silenciosamente me convide para ir aonde você está

Dois lados de uma mesma moeda, eu aprendi que tudo é destinado a desaparecer
Então eu nunca largarei essa mão
Até os prósperos decairão, os pálidos impulsos rosados estão pintados de vermelho
Quebrando as correntes e acordando agora
Eu verei um mundo definitivo

Capturado entre o yin e o yang
Estou apenas escutando a batida
Deixe os pontos e linhas conectarem
um réquiem para os dias perdidos

Com os dedos tremendo, lanço os dois lados de uma mesma moeda ao céu
Qual final que eu desejarei
O brilho da luz e a escuridão da sombra são os dois lados de uma mesma moeda
Eu não desviarei meus olhos do passado indelével

Focando meu olhar nas espirais que morrem
A luz e a sombra intersectam num trêmulo momento
Amarrando o tempo assim
Os dois futuros convergem

Woo, woo

Composição: Kōji Iwasawa / Yujin Kitagawa · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Camila, Traduzida por Isa, Legendado por Douglas e Douglas
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.