Foto do artista Zélia Duncan

Me Faz Uma Surpresa (part. Zeca Baleiro)

Zélia Duncan


Me faz uma surpresa
Manda um sinal que seja
Uma flor na minha porta
Um carinho na bandeja

Um poema por e-mail
Uma carta, um galanteio
Pode ser por um portador
Ou pelo correio

Nada que seja caro
Algo simples, amoroso, lindo, raro
Nada que seja caro
Algo simples, amoroso, lindo, raro

Mas faz uma surpresa
Um sinalzinho que seja
Passa por baixo da porta
Deixa em cima da mesa

Espelho do banheiro
Rabisca o quarto inteiro
Diz coisas que ninguém diz
Só pra me fazer feliz

Algo que me alegre o dia
Um blues, um rap, uma canção, fagulhas de poesia
Algo que me alegre o dia
Um blues, um rap, uma canção, fagulhas de poesia

Mas se depois de toda essa trama
Caso descubra que já não me ama
Então esqueça a surpresa
Pra que eu apague a luz acesa

Mas faz uma surpresa
Um sinalzinho que seja
Passa por baixo da porta
Deixa em cima da mesa

Espelho do banheiro
Rabisca o quarto inteiro
Diz coisas que ninguém diz
Só pra me fazer feliz

Algo que me alegre o dia
Um blues, um rap, uma canção, fagulhas de poesia
Algo que me alegre o dia
Um blues, um rap, uma canção, fagulhas de poesia

Mas se depois de toda essa trama
Caso descubra que já não me ama
Então esqueça a surpresa
Pra que eu apague a luz acesa
Pra que eu apague a luz acesa

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Zeca Baleiro / Zélia Duncan · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Norberto
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.