Quando acordar de manhã e tomar seu café, sozinha
Pergunte pra sua tristeza se ela também é minha
Escreve meu nome com a ponta do dedo
Nas sobras de pão sobre a mesa
Acende um cigarro, dispensa o café
E pensa na minha tristeza
Quando eu acordar de manhã e tomar meu café na rua
Pergunto pra minha tristeza se ela também é sua
Amigos perguntam como eu estou
Se a gente ainda não se viu
Brincam comigo e dizem que estou com cara de quem não dormiu

Não ligo pra ela e ela não liga
E a gente fica sem se falar (fica sem se falar)
Se ela não procura, também não procuro
E a gente fica sem amar

Não ligo pra ela e ela não liga
E a gente fica sem se falar (fica sem se falar)
Se ela não procura, também não procuro
E a gente fica sem se amar

Quando eu acordar de manhã e tomar meu café na rua
Pergunto pra minha tristeza se ela também é sua
Amigos perguntam como eu estou
Se a gente ainda não se viu
Brincam comigo e dizem que estou com cara de quem não dormiu
Não ligo pra ela e ela não liga
E a gente fica sem se falar (fica sem se falar)
Se ela não procura, também não procuro
E a gente fica sem se amar

Não ligo pra ela e ela não liga
E a gente fica sem se falar (fica sem se falar)
Se ela não procura, também não procuro
E a gente fica sem se amar

Não ligo pra ela e ela não liga
E a gente fica sem se falar (fica sem se falar)
Se ela não procura, também não procuro
E a gente fica sem se amar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Carlos Randall / Danimar. Essa informação está errada? Nos avise.
Legendado por Anderson e andreia. Revisões por 4 pessoas . Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais posts