Como um sonho, como um rio deságua em mim
Eu me entrego como alguém que está no fim
É minha vida
É o vento que varreu a tempestade
É a chuva que molhou minha saudade
É minha vida
Ela tem o dom de me fazer feliz
É o Sul, o Norte, é o meu país
É minha vida
É paixão que não tem cura
A barra que ninguém segura
É um Deus gritando dentro de mim
É minha loucura
Como pássaro ferido, como alguém que está perdido
Coração tá cada vez pior
Solidão rondando a casa
A paixão já criou asas
A saudade é cada vez maior

Como rio que está secando
Como o Sol se apagando
Coração só quer morrer
Como um cristal quebrado, um menino abandonado
Tô vivendo por viver

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Zezé Di Camargo. Essa informação está errada? Nos avise.

Posts relacionados

Ver mais posts