[MatheusMT]
Rio 40º
Rio de Janeiro ferve, a insonia não me faz mal
Tá marcado na minha pele o instinto criminal
Eu fiz meu nome em 2 anos e vazei pro litoral

Mês em mês eu faço a função real
Administro a empresa e faço seu funeral
Ela sabe eu tenho a fórrmula me faz não ser igual
Do jeito que ela me olha eu já sei bem o final

E seu eu quisesse ir mais além?
Cê não me conhece, é o novo chefe desse game
Os meus inimigos não me importam mais
Só você

[Da Paz]
Isso é o que difere quem fala e quem faz
Escolhido há mais de mil anos atrás
No campo de visão
É o terceiro olho que não deixa eu dar a mão, não

Ultimo que vacilou deixou recordação
Nunca dê mancada na frente dos meus irmãos

Eu sei que você não sabe o que eu sei
É que meu nível não cai, um dos três reis
Me diz pra onde cê vai, que eu não sei
Sem ter que olhar pra trás, hoje é minha vez

Mas eu já sabia disso
Você não convence com esse papin postiço
Se tentar na voz meu mano, sabe que eu te enguiço
Udyat é a força que sempre nos mantem vivo

Rapstar, topo da pirâmide
Sei que eu só vou calar quando tiver lápide
Vai sentir só de me olhar que eu posso transgredir
Não me venha me perguntar o que eu to fazendo aqui

[L7nnon]
O que que eu to fazendo aqui?

Levando a verdade a quem só mente
Versos que mudam sua mente
Somos fruto hoje, fomos semente
Não temas, creia, somente

Tudo vai passar, são só fases
Musicas são só frases
Perguntei o que eu seria
Eles disseram nada, hoje navego por novos mares

Qualquer caô nós resolve
Sem precisar de revolver
O que é meu, faz favor, devolve
Quer um conselho? Não se envolve

Porque é facil entrar, difícil é sair
Muita das vezes nem dá tempo
Quantas mentes brilhantes eu vi
Um virou finado, outro virou detento

Isso pra mim não é uma letra qualquer, não
Cada faixa é um encorajamento
Nossa meta é mudar vidas
To conseguindo? Não sei, eu tento

Igual Mazin nós segue roubando a cena
E ao mesmo tempo a tua atenção
Se o nosso corpo é um instrumento
No momento eu toco o teu coração

Somos as jóia do bairro, nós não se vende
Se não tu tinha comprado
Minha casa é uma serralheria
Meu punho sempre cerrado

[Mazin]
To com um Opala de 2 portas
No retrovisor a viatura
Querem me ver no crime
Mas só to roubando a cena

Sou Alexandre, o grande
Você Alexandre, o pato
Eu sou conquistador
Você diversão pro sistema

Muito mc metendo bronca de bandido
Vida não é GTA, pra reviver não tem macete
Militante na letra mas na rua tu é machista
Cuidado que algum dia vão te passar o estilete

O rap ficou doido, hoje flow até tem nome
Achei até bacana vou dar um nome pro meu
Mazin é preto caro, o flow é LeBron James
Enterrando o inimigo desde quando ele nasceu

Uns queriam na corrente, só que nós não é cachorro
Deixa eu me corrigir que até eles tem liberdade
Eu vim pra devolver toda a riqueza do meu povo
Pra quem foi caçado só pela tonalidade

[Black]
Mascavo é a faixa preta, nos dois sentidos
Veja as bocas cheias de droga, nos dois sentidos
Nela os irmãos tomando bala, nos dois sentidos
E morrendo por dois capsulas, nos dois sentidos
Pra tu isso faz sentido? Não

Rio de Janeiro, Brasil
Lugar onde a bala canta mais que Erykah Badu ou Lauryn Hill
Meu time subiu e cê nem viu?
Ou por medo de perder espaço você tá fingindo que não vê?

Que eu to voando com esses rap, tio
Do alto eu você rastejando como um réptil
Eu sei que cê queria me ver sad mas to happy, tio
É evidente quem vai ficar em evidência, xiu

Banca tá em campo, e tu sabe
Formação desse time é 0-0-11
Todos no ataque

Eu prometo não morrer como uma promessa do rap
Se vocês prometerem pra mim
Que não vão esperar eu morrer pra ver o quanto que eu quebro nas track, tá?

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Black / DaPaz / L7nnon / MatheusMT / Mazin · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Murdock
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.