exibições 4.082

Eternidade

Adoniran Barbosa


Se eu pudesse definir
Detalhar sem me iludir
O olhar que me seguia
Sutilmente me traía

Se eu pudesse até mentir
Esquecer, talvez fingir
Certamente eu mudaria
Hoje eu não sofreria

Foi o tempo que passou
Me usou, envelheci
Mesmo assim ainda me lembro
Do corpo que me tocou

Tão presente a sensação
Do amor que eu senti
Se era Agosto ou Setembro
Realmente eu não me lembro

Foi um sonho transparente
Tantas vezes re-sonhado,
Foi mentira ou verdade...
Hoje vive a eternidade

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir