Seu sonho era guardado
em bola de cristal
Mas desmanchou-se n'água
do mar, feito sal

Sua voz encanta e o
seu corpo é fatal
Nunca um humano haveria
de lhe fazer mal

Mas por dentro, em seu coração
uma faísca despertou
o que possuía de normal

Por um homem de apaixonou
e deu sua vida e sua honra
em nome do que chamou de amor

Nunca mais
um só som sua boca emitiria

Mutilada,
ao seu lar não mais retornaria
por haver
destruído o próprio ser

E se o seu amor
incorrespondido for...

seu sacrifício a matou...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog