Vivo Isolado No Mundo

Candeia

exibições 68.372

Candeia, Alcides Lopes e Manacéia
Eu vivia isolado no mundo
Quando eu era vagabundo
Sem ter um amor
Hoje em dia
Eu me regenerei
Sou um chefe de família
Da mulher que amei
Linda, linda, linda
Linda como um querubim
É formosa, cheirosa e vaidosa
A rosa do meu jardim
Se tu fores na Portela
Gente humilde gente pobre
Que traz um samba na veia
Um samba de gente nobre
Eu vivia isolado do mundo ....
Mas ela não sabe
Não sabe o que perdeu
Um amor sincero e puro
De um escuro igual ao meu
Se ela soubesse que peito padece numa solidão
Não me negava seus beijos
E me dava o seu perdão
Ah, eu vivia...

Se quiser se distrair, ligue a televisão
Amor, comigo não
Se está procurando distração
O romance terminou mais cedo REFRÃO
Peço por favor pra não brincar com meus segredos
Verdadeiro amor não é brinquedo

Tem que chorar o meu choro
Sorrir o meu riso
Sonhar no meu sonho
Versar nos meus versos, cantar no meu coro
Na minha tristeza tem que ser tristonho
Avisa se estais brincando,
que eu vou ficar também de brincadeira
Não choro teu choro não sonho o teu sonho
Não verso seus versos nem marco bobeira
(Se quiser se distrair...)
(Refrão)
Eu te abri o meu peito
Deixei penetrar na minha intimidade
Tu conheces meu passado
A minha mentira e a minha verdade
Mais se estais deixando furo
Não estais suportando com dignidade
Eu fecho esta porta te deixo de fora
Depois curto uma saudade
(se quiser se distrair...)
REFRÃO

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Alcides Lopes / Candeia / Manacéia · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Reinaldo
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.