Sou o bicho-homem, sou o rei desse pedaço
Sou peara do regaço
Se não fores do meu clã
Eu te condeno, eu te rechaço
Sou guerreiro tropicante
Sou anil, sou azulante
Sou amante, sou galante, sou

Sou guerreiro tropicante
Sou valente, si da dor
Sou da guerra, sou da terra
Eu sou do amor

Sou, sou, sou, eu sou caboclo
Eu vim do negro, vim do branco
Vim do índio
Sou de quem ama
Eu vim do negro, vim do branco
Vim do índio
E se apaixona, ah, ah

Sou daqui dessas paragens
Parintins por te querer
Sou paixão, sou corajoso
Sou da tribo Caprichoso, eu, eu, eu
Sou azul até morrer

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Ronaldo Barbosa. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Camila. Revisão por Lucas. Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog