No tempo da gola alta
E do joelho tapado
As mulheres tinham maneiras
Traziam tudo guardado

E os homens desse tempo
Não andavam em cabelo
Mas usavam um monóculo
Pra lhes ver o tornozelo

Ah, ah, oh, oh,
Menina não saia só
Ah, ah, oh, oh,
Assim lhe dizia ´avó

E nesse tempo distante
Com a saia tão comprida
As mulheres tinham recato
Namorava à escondida

Não vinha sozinha à rua
Pra não cair em desgraça
Vinha a criada com ela
Só pra espantar a caça

Ah, ah, oh, oh,
Menina não saia só
Ah, ah, oh, oh,
Assim lhe dizia ´avó

Hoje a saia é bem curta
Tudo usa e tudo gosta
Porque lá diz o ditado
Só é bom o que anda à mostra

As blusas decotadas
Aumentam a emoção
Quando as olho bem de cima
Falta-me a respiração

Ah, ah, oh, oh,
Menina não saia só
Ah, ah, oh, oh,
Assim lhe dizia ´avó

Na linguagem d´agora
Tudo é fenomenal
Elas virads pra eles
Ó pá tu és bestial

Com esta moda tão gira
Das meninas tedy-boys
O casaco do meu avô
Para eles dava dois

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir