Leandro de Itaquera - Samba Enredo 1989

Eliana De Lima


Ô, ô,ô
Eu vim de longe, cruzei mares, quem diria
Ô, ô, ô
Sou afoxé irradiando energia
A benção pai Oxalá
Os tambores vão rufar
Hoje é dia de festa
O cortejo vai passar

Olha o Padê
Exu é guarda na avenida
Espanta intrigas
Deixa o povo vadear
Ê poeira, poeira, poeira
Vai levantar poeira
Igexá
Banguleando todo o povo se incendeia

Babalotim
Abra os caminhos dessa gente
Que tão contente vem desfilar
Ornadas em louvor
A todos orixás
Num canto que ecoa pelo ar

Chegou
Em forma de afoxé na passarela
Os filhos da Leandro de Itaquera
Axé pra quem tem fé, e quem não tem
Axé pra você também

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog