Sei que já não adinata, mesmo assim fui escrever
Que ainda não me conformo co'o fato de lhe perder
Que em meu peito ainda é, sempre será como se fosse
E ainda me lembro de você cada vez que como um doce

Agente entende né? o amor que nos unia
Reciploco, sincero só a morte separaria
Mas você se foi bem antes do que eu esperava
Em teu lugar grande e o vazio, eu não descrevo com palavras

Mas com palavras me arrependo tudo que não lhe disse
Eu te amo e me desculpe, faz as pessoas taofelizes
E sempre que chorou por mim não foi por que eu quis
Tarde demais peço perdao, todo mal que lhe fiz

E embora há tempos não vejo, ainda assim não esqueço
Sempre que me sinto so e a mulher que eu mais desejo
Pra poder dividir, meus mais íntimos segredos
Procuro teu ombro amigo sempre que eu sinto medo

Mas sei que não adianta, pra mim você não volta
Posso chorar, implorar triste será a resposta
Em mim agustia sempre bate quando penso nisso
Será que um dia eu terei de novo teu lindo sorriso?

E hoje na rua quando alguém pergunta sobre nos
Sem graça, fico perplexo até perco a voz
Tocar minha vida pra frente é o que alguém sugere
A despedida deixou traumas, talvez eu nunca supere

A falta que você faz em casa todos os dias
Pra me abraçar, conversar, me apoiar nas correrias
Eu sei que não sou o homem que desejava que fosse
Mas inda vou melhorar, não desisti até hoje

De lutar pelo que quero, quem sabe um dia eu consigo?
Isso herdei de você e estará sempre comigo
Pois tudo que aprendi contigo foi muito bom
Lagrimas não expressam, nem mesmo este som

Eu acho pouco pra expressar amor tao verdadeiro
Que muitos vao dar valor so depois de perde-lo
De coração me declaro talvez alguém estranhe
Só que eu não posso esquecer quem me deu vida, oh mãe

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog