Hoje eu bebi demais
Eu tô chapada demais
Eu não consigo parar de pensar em você
Parar de pensar em você

Você chegou
E terminou a festa
Cimentou as frestas
Deixou claro que acabou
Deixou claro que acabou

Você volta atrás
Eu não quero mais
Você vem e vai
Nunca para no cais
O que você faz
Me dói demais

Não me alimenta que eu volto
E só teu resto não me satisfaz
Procurando amor e afeto nos lugares errados
Qualquer contato que te traga paz

Hoje eu dormi demais
Eu to cansada demais
Eu não consigo parar de falar de você
Parar de falar de você

E eu arrasto
Tanto amor guardado
Nos meus pés descalços
Mas você fala que acabou
Você fala que acabou

Você volta atrás
Eu não quero mais
Você vem e vai
Nunca para no cais
O que você faz
Me dói demais

Me cozinha
Em banho maria
Na tua mandíbula
Situação ridícula

Você volta atrás
Eu não quero mais
Tudo que você traz
Escorre e morre

Não me alimenta que eu volto
E só teu resto não me satisfaz
Procurando amor e afeto nos lugares errados
Qualquer contato que te traga paz

Não deixa o teu peito aberto
Se não for pra me deixar entrar e te bagunçar
Semicircunferências em quartos trancados
Enquadra as flores que não vai guardar

Você volta atrás
Eu não quero mais

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts