A vista é bonita daqui
Talvez mais bonita de lá
Nesse meio já me perdi
Muitas vezes sem sair do lugar

Não paro, eu sigo, e fujo, respiro
Suspiro, engulo os espinhos
Pra ninguém machucar, ah

Desculpa amigo, é que eu tô me sentindo
Meio que perdendo os sentidos
Não quero explicar

Ah, escuta amigo, eu não corro perigo
Quando me desligo desse mundo
Só pra me encontrar

De novo, de novo, de novo, de novo
De novo, quero algo de novo
Que eu possa gostar

Eu quero algo novo
De novo, de novo, de novo, de novo
Quero algo de novo
Que eu possa provar

Queria sumir daqui
Onde ninguém vá me encontrar
De tanto tentar, me perdi
Muitas vezes sem sair do lugar

Não paro, eu sigo
No escuro, respiro
Me viro como se pudesse aguentar
Mas não dá, ah

Desculpa amigo, é que eu tô me sentindo
Meio que perdendo os sentidos
Não quero explicar

Ah, escuta amigo, eu não corro perigo
Quando me desligo desse mundo
Só pra me encontrar

De novo, de novo, de novo, de novo
De novo, quero algo de novo
Que eu possa gostar

Eu quero algo novo
De novo, de novo, de novo, de novo
Quero algo de novo
Que eu possa provar

De novo, de novo, de novo, de novo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Jade Baraldo / Mauricio Oliveira · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Júlia
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.