A minha casa é aqui dentro do meu quarto
E as coisas que vivo sempre acontecem por aqui
Onde navego no oceano dos meus olhos
E quando acordo, ainda esta dentro de mim

E é aqui onde leio tuas cartas
E é aqui, para onde sempre volto
Imagino o mundo além da porta do meu quarto

Somente as vezes sente saudade e me procura
E não há nada em minha mente que me salva
E mais uma vez minha história que censura
E outra vez, nos meus braços se acalma

E é aqui onde leio tuas cartas
E é aqui, para onde sempre volto
Imagino o mundo além da porta do meu quarto

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Cassiano Paim / Cláudio Varaschin / Éderson Gerlach. Essa informação está errada? Nos avise.

Posts relacionados

Ver mais posts