Sigo a linha do trem que é pra ter onde ir
Devagar é melhor, eu posso te ouvir uivar
O cara estranho que eu fingi não ser
Já renasceu, talvez eu possa descansar

Qual a graça em se comprometer
Quando eu tenho o mundo pra ver?
Aah, uoh
Aah, uoh
E quando a gente dança e se perde
As montanhas se estremecem
Aah, uoh
(Auu)

Eu podia ficar lento, só perdido (uoh, oh)
Mas é que solto eu fico muito mais bonito (uoh, oh)
Eu podia ficar lento, só perdido (uoh, oh)
Mas é que solto eu fico muito mais bonito

Quero sentir mais, eu
Quero beber mais, eu
Quero correr mais
Escapar na madrugada
Sentir o ar gelado
Inflar o meu peito e gritar

Nada do que você diz
Faz sentido algum
Porque eu tenho a minha própria caminhada

Qual a graça em se comprometer
Quando eu tenho o mundo pra ver?
Aah, uoh
Aah, uoh
E quando a gente dança e se perde
As montanhas se estremecem
Aah, uoh
(Auu)

Eu podia ficar lento, só perdido (uoh, oh)
Mas é que solto eu fico muito mais bonito (uoh, oh)
Eu podia ficar lento, só perdido (uoh, oh)
Mas é que solto eu fico muito mais bonito

Nada do que você diz
Faz sentido algum
Porque eu tenho a minha própria caminhada

Eu podia ficar lento, só perdido (uoh, oh)
Mas é que solto eu fico muito mais bonito (uoh, oh)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Pedro Tofani / Jão · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Victor, Legendado por Beatriz
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.