No meio de um silêncio
Que me soa tão estranho
Sei que posso te ouvir
No meio de um deserto
Se não há ninguém por perto
Sei que estas aqui

Te encontro no escuro
E na luz que refletir
Na verdade eu procuro
Por alguém que sempre esteve aqui

Sei que estas aqui
Na brisa do vento que me refresca
Sei que estas aqui
No canto do galo que disperta
Sei que estas aqui
Nas ondas das aguas que batem na pedra
Sei que estas aqui
Na força do sol que me mostra que é dia

No meio do silencio tu estás
No estremecer de um trovão tu estás
No dia ensolarado tu estás
E na chuva que molha a relva tu estás

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir