Homens, honrem suas calças
Vistam suas fardas
Lutem com bravura
Honrem o rei de duas caras

Parece, não é, barato servir à dor
Infinita deve ser sua vontade de dizer não
Mas já que está aí, paga pra ver
Pega um pedaço de soldado para comer
E vai sofrer
E não há nada que possamos mais fazer

Prepara para descansar
Cessar o fogo, desertar

Homens, joguem suas armas ao chão
Barrem a entrada da escória capital
Mãos ao alto
Pátria amada

Por isso vamos correr
Salvar baleias e sereias pra comer depois
E ver o Sol mais uma vez, não
Mas já que estou aqui, nem quero ver
Vou empacotando dia e noite os erês
Eu vou morrer
Dando risadas disso tudo com você

Prepara para descansar
Cessar o fogo, desertar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts