Água de prata, abre meus olhos e traz
Aquela luz que incendeia, clareia e desfaz
Em toda estrela, lágrima, voz e canção
A noite escreve o teu nome
O vento que vai, navega veloz
O meu pensamento rodeia, desata e vagueia
Invade as manhãs
Rio, represa, de tanta emoção
Raio da luz de um luar
Rio, remanso, na cor de um amor
Deságua em meu coração

Água de prata, abre meus olhos e traz
Aquela luz que incendeia, clareia e desfaz
Em todas estrela, lágrima, voz e canção
A noite escreve o teu nome
O vento que vai, navega veloz
O meu pensamento rodeia, desata e vagueia
Invade as manhãs
Rio, represa, de tanta emoção
Raio da luz de um luar
Rio, remanso, na cor de um amor
Deságua em meu coração

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Aloysio Reis / Humberto De Resende · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Anderson, Legendado por Anderson
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.