Tente conter o calibre da tua arma
E você deve saber que eu não sou tão bandido
É que às vezes me escapa o controle da alma
É que às vezes, na calma, eu corro perigo

Preciso medir tudo aquilo que eu quero pra alvo
Do que eu posso atingir na mira dos seus olhos
É que às vezes me escapa o controle da alma
É que às vezes, na calma, eu corro perigo

É que às vezes me escapa o controle da alma
É que às vezes, na calma, eu corro perigo
Preciso medir tudo aquilo que eu quero pra alvo
Do que eu posso atingir na mira dos seus olhos
É que às vezes me escapa o controle da alma
É que às vezes, na calma, eu corro perigo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Marcos Sabino / Solange Boeke / Wania Andrade · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por felipe, Legendado por Anderson
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.