Habilite sua assinatura e dê adeus aos anúncios

Habilitar
exibições 757

E a Seca Continua

Marinês

Meu senhor
O que de verde havia nas campinas
E os regados de água cristalina
Que não vejo mais pelo sertão

Meu senhor
Quando a seca invadiu nossa terra
Na caatinga o povo da serra
Transformou tudo em desolação
Ate mesmo o juazeiro tornou-se invalente
Sem poder suportar sol tão quente
Tudo indica que já envelheceu
Esperança que era visto por todo lugar
O seu nome não se ouve mais falar
Concerteza também já morreu

Xique xique e perguntas voltadas pra cima
Como alguém pede a deus que o clima
Não demore a se modificar
Tudo morre mais depressa do que me parece
E enquanto a seca permanece
É tristeza ate mesmo cantar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Comentários

Envie dúvidas, explicações e curiosidades sobre a letra

0 / 500

Faça parte  dessa comunidade 

Tire dúvidas sobre idiomas, interaja com outros fãs de Marinês e vá além da letra da música.

Conheça o Letras Academy

Enviar para a central de dúvidas?

Dúvidas enviadas podem receber respostas de professores e alunos da plataforma.

Fixe este conteúdo com a aula:

0 / 500

Posts relacionados Ver mais no Blog


Opções de seleção