Verificando fatos e grandes revoluções
Eu posso acreditar que não há mais do que razões
Pra que essa maquinária torpe em foco de jornal
Transforme as verdades num "invero" ideal

Um dia eles verão
Que não existe razão
A vida segue com retornos pluviais
Todo o dia o Sol vai surgir
Mas o tempo há de ruir
Um raio não faz ponto onde vai cair


A vida é movida por terceiras intenções
Cidade invadida sofre por destruições
País resiste com as suas faces democratas
Mas é a massa que se quebra em grandes passeatas


Porque um dia eles verão...


Revendo fatos chego a pretensas conclusões
Sei que o tempo é remédio para o mal de corações
O Sol que nasce para todos vai desencantar
E cada um por si vai ter que achar o seu lugar

Porque um dia eles verão...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir