Faça login para habilitar sua assinatura e dê adeus aos anúncios

Fazer login
exibições de letras 213.970

Pé na Porta, Soco na Cara

Matanza

Pra quem já viu, não passa de um imbecil
Não tem ninguém com quem esteja de bem

Não te peço consideração
Ou você tem ou não
Antes havia mais gente ao redor
Hoje é cada vez mais só

E toda paciência um dia chega ao fim
Inevitavelmente isso termina assim

Ooh, na cara
Reto que arrebenta o nariz
Essa noite vai dormir feliz
Pé na porta e soco na cara

Achou, por bem, acabar com o dia de alguém
Então, sendo assim, tinha de escolher justo a mim

Conta o que eu não tenho, diz o que eu não posso
O que é meu é meu, o que é seu é nosso
Qualquer infeliz tem mais o que fazer
Só você não parece ver

E eu não tenho nada mais a lhe dizer
O papo com você agora tem que ser

Ooh, na cara
Reto que arrebenta o nariz
Essa noite vai dormir feliz
Pé na porta e soco na cara

Ooh, na cara
Reto que arrebenta o nariz
Essa noite vai dormir feliz
Pé na porta e soco na cara

Ooh, na cara
Ooh, na cara
Ooh, na cara
Ooh, na cara

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Comentários

Envie dúvidas, explicações e curiosidades sobre a letra

0 / 500

Faça parte  dessa comunidade 

Tire dúvidas sobre idiomas, interaja com outros fãs de Matanza e vá além da letra da música.

Conheça o Letras Academy

Enviar para a central de dúvidas?

Dúvidas enviadas podem receber respostas de professores e alunos da plataforma.

Fixe este conteúdo com a aula:

0 / 500


Opções de seleção