Mais uma vez a minha fé se fez inabalável (-el)
Já naveguei no mar bravio com a mente instável
Assim sou eu, tirando onda até na dificuldade
Me adaptando às adversidades
Se tem, nós tira, cifra, se não tem, também
As minhas forças não vêm das notas de cem

Sou pecador sim, eu sou errante
Tudo o que tenho vem do meu próprio suor
Guerreiro eu sou, perseverante
Sigo o ditado: Nem melhor e nem pior

Diferenciado, marrento sim, nojento não
Pés no chão para não tombar, ah
Poucos aliados, ligeiro com os pousadão
Eu boto para decolar

Diferenciado, marrento sim, nojento não
Pés no chão para não tombar, ah
Poucos aliados (bem poucos), ligeiro com os pousadão
Eu boto para decolar
Eu boto para decolar

Mais uma vez a minha fé se fez inabalável (-el)
Já naveguei no mar bravio com a mente instável
Assim sou eu, tirando onda até na dificuldade
Me adaptando às adversidades
Se tem, nós tira, cifra, se não tem, também
As minhas forças não vêm das notas de cem

Sou pecador sim, eu sou errante
Tudo o que tenho vem do meu próprio suor
Guerreiro eu sou, perseverante
Sigo o ditado: Nem melhor e nem pior

Diferenciado, marrento sim, nojento não
Pés no chão para não tombar, ah
Poucos aliados, ligeiro com os pousadão
Eu boto para decolar

Diferenciado, marrento sim, nojento não
Pés no chão para não tombar, ah
Poucos aliados (bem poucos), ligeiro com os pousadão
Eu boto para decolar
Eu boto para decolar

Diferenciado, marrento sim, nojento não
Pés no chão para não tombar, ah
Poucos aliados (bem poucos), ligeiro com os pousadão
Eu boto para decolar
Eu boto para decolar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts