exibições 947

Ninho de Cobras

Naz


Pro inferno sua atitude, você já não me corrompe,
suas idéias vazias são como fome.
Cinismo é moda, trairagem é foda, trairagem é foda.
Nesse ninho de cobras, nesse ninho de cobras.

Refrão: Cada dia me consome, cada dia eu me consumo.
Drogas, ódio ou fumo.
Cinismo é moda, trairagem é foda.
Nesse ninho de cobras.

Idéias erradas, amor ou prazer .
É tudo sem sentido prá você.
Suor e sangue escrevem a história.
Errada, fudida, incerta.
Seja qual for à saída, não me interessa.
NAZ na veia e sem deixar brecha.

Refrão:

Nesse ciclo vicioso, onde eles vendem até o osso.
Falsidade e caráter vão até o fosso.
Num mundo confuso e triste.

Onde o interesse persiste, sem tréguas, sem tréguas.
Querem te comprar, querem te vender, querem te fuder.
Querem comprar você.
Segura o emocional, falsidade real, lavagem cerebral, chacina mental.
Não me vendi pro diabo.
Não neguei o meu passado.
Cinismo aqui é fato.
As aparências não mostram o que é realmente macabro.

Refrão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog