Rasga a luz, estoura de tão alto
Autocontrole mesmo no chão frio descalço
Tenta aprender com aquilo que errou, você com você
Nunca permanente
Plena natureza
Ser onisciente

Renunciei
Mas me arrependi
Te peço pra voltar
Do zero e respirar de novo

Saiba que o meu caminho
É em sua direção
Eu não estou sozinho
Tenho o céu em minhas mãos
E o seu sorriso
É uma contradição

Mas é tipo evolução
Aprendizado involuntário
Acreditando que o fim é um começo necessário
Sem tempo nem horário
Pra curar o imaginário

O segredo está em você

Saiba que o meu caminho
É em sua direção
Eu não estou sozinho
Tenho o céu em minhas mãos
E o seu sorriso
É uma contradição

Anicca
Respiração, respira
Puxa o ar, e vai

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir