A saudade vai roer teu coração
E a tristeza vai ser sua companheira
Se você cometer tamanha asneira
Se voar à procura de outro ninho
Vai viver um eterno sem carinho
Numa imensa vontade de voltar
E o desejo sem sossego a reclamar
Pela falta do meu dengo e meu calor

Eu quero ver você deixar o meu amor
Ir pros braços de outro e não chorar (2x)

A tua vida vai ser um só pesadelo
Amor desfeito do passado e concluído
E hoje quando estou quase esquecido
Arrependido de tudo isso ter feito
Não tem travesseiro que dê jeito
E nem carinho que lhe possa acalentar
A melodia que você ouvir cantar
É mais um hino machucando a sua dor

Eu quero ver você deixar o meu amor
Ir pros braços de outro e não chorar (2x)

Seu desespero é um convite pra loucura
Maldito espelho lhe mostrando envelhecida
Parecendo uma coisa assim sem vida
A flor do campo que o orvalho não caiu
E o desejo que por mim sempre sentiu
Lá bem distante sem você poder amar
E o sujeito que ficar no meu lugar
Só vai lhe dar raiva, tédio e dissabor

Eu quero ver você deixar o meu amor
Ir pros braços de outro e não chorar (2x)

A saudade vai roer teu coração
E a tristeza vai ser sua companheira
Se você cometer tamanha asneira
Se voar à procura de outro ninho
Vai viver um eterno sem carinho
Numa imensa vontade de voltar
E o desejo sem sossego a reclamar
Pela falta do meu dengo e meu calor

Eu quero ver você deixar o meu amor
Ir pros braços de outro e não chorar (2x)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Agripino Aroeira / Rosilda Santos. Essa informação está errada? Nos avise.

Posts relacionados

Ver mais posts