Guerreiros das Sombras

Oswaldo Montenegro

exibições 3.607

Frases escritas com sangue na nossa memória
Guerreiros das sombras
Nossa canção escudeira rompendo castelos em meio à batalha
Nobres varões escoltando a riqueza tomada dos cofres do rei vilão
Doces donzelas esperam o terno momento do encontro primeiro
Gritam arautos no cantos cantando a chegada do primeiro dia
Todo barulho aumenta
Tambores inflamam o grito sonhado
Festa por todo o reino na vinha distante é colhida a semente
Brilho de um sol ardente ilumina a estrada que leva à conquista

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir