exibições 7.509

Meu coração é u'a Privada

Pato Fu


Coisinhas de nada
tem feito um grande estrago
Dentro do meu coração
Eu piso em baratas
Sujo meus sapatos
Tenho raiva de quem ama
Tenho pena de quem mata
Então risco as paredes
Sujo o meu tapete
Com as porquêra lá da rua
E as porquêra da empregada
Então embico a criada
Rasgo meu cachorro
Quebro uma criança
E machuco a minha mão
Mas se você encostar sua orelha no meu peito
Você vai ouvir um barulhinho: chuá, chuá
Você vai ouvir um barulhinho: chuá, chuá
Eu tenho medo que você não goste
Mas é barulho de descarga
E ela vem bombeando meu sangue, meu sangue
Sanguinho azul de barata, oh meu deus!
Não vou deixar você encostar
Sua orelha, seu ouvido
No meu peito, no meu coração

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog