Postulado Horla

Patrick Horla

exibições 34.339

Diretamente do laboratório, Landemberguer
O lado oposto, o postulado Horla

Vocês não queriam, hein? Seus filhos da puta!

O que você tem fé já não me fortifica
Porque meus corte fica, e o pastor só mais forte fica
Tem a morte rica, quando meu porte clica
Tu morde pica, modifica mas não codifica
Não sabe do que eu falo, ideias que intercalo
Eu sou quem te zoava na sala e no intervalo (cuzão)
Senta na frente, nem vê o ataque aéreo
Me manda pra diretora? Te mando pro cemitério
É sério, das matérias só aprendi agressão física
Socos no peito doem menos que minha dor da tísica
Minha dor psicológica perdeu a lógica
Por isso ponho em prática as doideiras neurológicas
Minha infância foi extremamente anormal
Tudo que sobraram foram só cadastros de hospital
Hospital inóspito, o hóspede que não despede
Cê curtia Mickey e eu só no Beavis and Butt-Head.
Meu estilo fede, é o estilo Freddy
Deixa que o Patrick Pitt cê fica com o Brad.
Eu te faço cair, falir todo seu fã clube
Cê morre igual MTV depois do YouTube
Não atube sua vida com as bostas da sua mente
Não pergunte verdade, porque as respostas mentem
De costas não sentem? Podem virar toda a plateia
Seus ouvidos sempre vão te escravizar com minhas ideias

Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
Fuck fezes, look and learn
O meu estilo é falso pras pessoas cínicas.

Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
Fuck fezes, look and lese, ah
O meu estilo é muito falsos pra cínicas

Meus culhões são os meus átomos maciços
Criei meu postulado e não é postiço
Nunca cairá por terra enquanto houver guerra
Por isso Landemberguer não erra e nem brinca em serviço!
Faz silêncio quando chego
Dixava, dixava essa cabeça de nego
Nem precisa avisar que tá com medo
Tô percebendo pelo tremer dos seus dedos.

Eu sou azedo como frutas cítricas
Foda-se as críticas, não altero meu enredo
Quer morrer mais cedo? Tudo bem, eu concedo
Fala que eu te executo junto ao Edir Macedo
E o puto Padre Quevedo com discurso patético
Quando ver a maldição vai deixar de ser cético
Patrick profético, até os mortos se levantam
E quando o Horla canta, os meus males te espantam
Eu tenho ódio acumulado como esperma na berma
De um molequinho que goza ao ver suas pernas (gostosa)
Pelos na mão e cheio de espinha
Que sabe o que é uma buceta porque galinha não usa calcinha
Sou uma alma sozinha, nem minha sombra me segue
E todo verme ou inseto eu decepo ouvindo Black Flag
4 barras, segue a tag, que infesta a Califórnia
Meu rap não é festa e te cega tipo um prego na córnea

Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
Fuck fezes, look and lese
O meu estilo é falso pras pessoas cínicas

Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
Fuck fezes, look and lese.
O meu estilo é muito falso pra cínicas

Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
Teses, é o postulado Horla
A minha química fecha sua clínica
O meu estilo é muito falso pra cínicas.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir