exibições 89
Foto do artista Rafael Castro

A Primeira Vez Em Frente Às Câmeras

Rafael Castro


Já não era como um dia foi,
Agora não havia serenatas,
Cartas ou bordões,
E afetivas intenções
Pra declarar.

Entre as luzes, câmeras e ação
Estava quem não vai ver cara
E muito menos coração,
Aprenderá ser sem paixão
Só pra ganhar
Seu transpirado tostão,
Fazendo amar, profissão,
E não ter mais qualquer tipo
De desilusão.

Hoje um pessoal
Vai se esbaldar nestas servis qualidades
Até seu pai lhe deserdar.
Logo vai-se ver
Nos finos lares, todas intimidades
De alguém que cansou do matrimônio sobre o altar.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir