Você não sabe nem vai saber
Que sem você pouca coisa sou
Sou pó rasteiro, capim no chão
Água sem ribeirão
Chuva que cai fora da estação

Eu preparei sem poder mandar
Um telegrama de vem me ver
Pois ninguém sabe onde te encontrar
Qual lugar, mar, sertão
Hotel, navio, vapor, pensão

Teu rastro a chuva lavou do chão
Ou mesmo o vento já desmanchou
Mas tá marcado em meu coração
Cada lugar que você pisou, meu amor

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir