Maléficas Vozes
Atormentam o meu ser

Funeras orgias
prazeres carnais
sentimentos negros
Atormentados pela mente
Ouço as vozes
que comandam meu ego

eu sinto prazer
pelo gosto da carne
Orgias malditas
são feitas por mim
Estupradas cortadas
degoladas mutiladas
Elas me fascinam
com seu jeito de foder

Maléficas Vozes
Atormentam o meu ser

Das vozes que escuto
sinto desgraças
Minha mente doentia
comanda o meu corpo
Tolos aqueles
que cruzam o meu caminho

A dor da humanidade
só aumenta o meu prazer

Maléficas Vozes
Atormentam o meu ser

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir