exibições 127

Deixa

Sêneca


Por favor seja breve
Como a vida, como um sopro
ofegante de quem correu
Idas e vindas atrás de alguma emoção
Mas será que foi a coisa certa a fazer?
Cada vez mais longe do que buscar
A saudade não acabava, por tudo
Paciência meu amor
Vem que um dia volta
deixa querer amar
Ah, como quero...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog