Ela chega, ela manda
Ela ronda minha porta
Com sua vestimenta negra de cetim

No céu a lua brilha refletindo no seu corpo
E ela me convida
Ela, a pantera... a pantera... a pantera...

E eu atravez da porta,
ouço as vozes, um lamento, meus irmãos
Eu vou!!

Olha a noite, a navalha
Cada corpo colorindo
Eu só tenho mal, só tenho mal

Um olho que se acende e que se mostra na escuridão
e ela me convida
Ela, a pantera... a pantera... a pantera...

E eu atravez da porta
ouço as vozes, os lamentos, meus irmãos
Eu vou!!!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir