Que melancolia,
Eu afogo as mágoas,
Comendo melancia na cama,
Você rindo de mim,
Sob a camisola seus peitos caidos,
Me olhando assim,
Tão tristes
Por que a gravidade insiste

Você me fez feliz
Igual a piada de Português
Que faz a gente rir
Rolar no chão
Mas perde a graça na segunda vez que contam
Nem tudo é como a gente quer

Por isso meu amor,
Minha vida
è uma privada entupida
Sei cheirinho, de suor
E o dente do ciso que dói,
Seu olhar, meio vesgo
Finjo que não percebo
Ironia, do destino
Quem diria ela já foi um menino!!!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir