Wlm:
Realidade na cara, é sofrimento e amargura
De uma vida que comigo, muitas vezes foi suja
Aprendi a supera meus limites, a enfrentar minhas crises
Onde não tinha saída, mais foi com o tempo que eu vi

Que pra tudo dar certo, é só fazer o que é certo
A da valor pros que merecem, e não praqueles que erram contigo
E no final, se passam por amigos
A falsidade é forte, deixando isso visível

Mais eu quero voar, quero o que a vida oferece de bom
Repercutindo através do meu som
Vê pessoas grita, meu nome enquanto que eu canto
Deixa de ser transparente, cê jogado de canto

Cê relembrado por vários, por tudo o que eu fiz
Ou deixei de fazer, pelos transtornos que tem no meu mundo
Tudo o que um dia eu sonhei, tudo o que um dia eu já quis
E quem tiver comigo, se eu crescer, vai ser levado junto

Felipe lima:
Refrão(2x):
E eu vou voar, o mais alto que poder, chegar na constelação
Quem dera fosse filme de ficção científica

Wlm:
Eu to vivendo, aprendendo, botando a cara a bate
Muitas coisas que aparentam, mais no fundo, não é o que dizem ser
É ficção, loucura e decepção
Onde ódio predomina e não existe mais a compaixão

Eu faço a minha, sou correto e foda-se o resto
Não me rebaixo pros que falam, porque eu sei o que eu quero
Eu mesmo aqui me testo, hoje me manifesto
Cada filho é uma musica, só que não tem sexo

Eu to atendo, pros que dizem estar aqui do lado
Mais eu to vendo, que metade deles hoje é falso
To aprendendo a conviver com quem diz ser esperto
Agindo como eu sempre agi, e no final, vejo quem é o certo

Não me baseio em jornal, programas de tv
Sou aprendiz dos que são, e não dos que dizem ser
Dos que mostram e provão, com a atitude, a verdade
E pros falsos eu deixo o gosto amargo da sinceridade

Felipe lima:
Refrão(2x):
E eu vou voar, o mais alto que poder, chegar na constelação
Quem dera fosse filme de ficção científica

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir