Aonde vou

Tanlan

exibições 3.558

Ao seu redor a completar um arranjo de mil flores, borboletas a bailar
Seu quadro está a retratar uma tarde de outono como aquela em que você
a um tempo atrás sem ter por que resolveu sentar num banco de um parque e pensar
Aonde eu vou e o que será dessa vida quando a vida me deixar ao expirar.

Ah...
Aonde vou
Ah...
O que será

Quase ao se por o sol está transformando o ambiente num dourado e imenso mar
Sem se esperar um invasor é expulso dos teus olhos como gota a anunciar
Um temporal que perto está com seus medos e desejos que te fazem perguntar
Aonde eu vou e o que será dessa vida quando a vida me deixar ao expirar.

Toda a beleza da criação
tudo é reflexo de tuas mãos
Uma vontade e houve a luz
Um sentimento e trouxe a cruz
Para que todos saibam dizer...

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir