Enquanto fecho os olhos me escapa das mãos a coragem
Esqueço aos poucos os nossos
Segredos que a ninguém mais interessa
Escorrem nas frestas das janelas abertas

Nos falta um rumo, mas sobram as pernas
É tudo tão novo e os dias tão
Claros que a luz as vezes ofusca

Já não faço planos, que se por acaso
Outra vez o tempo permitir que
Em sua complicada lista de afazeres,
Estejam nosso nomes juntos e eu não me ausentar

Enviar Tradução Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts