Natureza mãe, esse é o culto em seu louvor
Hoje eu acordei cedinho pra ver o seu jardim de flor
Beber água na cachoeira, me cobrir com seu lençol
Subir alto na mangueira pra ver o nascer do sol
Comer jaca, pinha, melão e caqui
Respeitando o macaco e o bem-te-vi
Tomar fôlego e cantar com o sabiá
Que também veio louvar

Iê Iê Iê Iê Iêeo
Iê Iê Iê Iêeeo

Jah jah jah, meu pai
Não posso desmerecer
Porque eu me sinto tão feliz na raiz
Que só tenho a agradecer
Vou correr solto pelos campos
Dar um mergulho no mar
Vou tentar pegar umas ondas
Tudo pra me energizar
Vou comer carne de coco
Macaxeira natural
Há quem pense que estou louco
Mas, na verdade, eu tô astral.

Iê Iê Iê Iê Iêeo
Iê Iê Iê Iêeeo

(Natureza mãe...natureza mãe)

Olhe pra terra e veja o quanto é bela
Se voce não cuidar nada vai restar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir