A ilusão
Vem desde o berço
O choro não ouvido, e a voz calada
O leite materno não saciou, cada segundo de engano
Ser adulto antes de ser criança
Seu brinquedo será sua arma
O próprio corpo falará por si
Por dezenas de vezes anunciada

Quem dá mais leva!

Longe do lar
Ninguém te escuta
Aprendendo em meio ao caos
Você é forçado ao que nunca imaginou
Jogado, desacreditado e manipulado
O erro é só questão de tempo
O sofrimento precede o lamento

Quem é por mim?
Nesse mundo sem misericórdia
Você vive,e você morre
Quem é por mim?
Nesse mundo sem misericórdia
Quem é por mim? quem é por mim?
Quem?

Na violência calada, você é obrigado a gritar
Contra “tudo” e contra “todos”
E não se tornar mais um numero
Na violência calada, você é obrigado a gritar

Quem é por mim
Nesse mundo sem misericórdia?
Você vive, você morre
Quem é por mim
Nesse mundo sem misericórdia?
Quem é por mim? Quem é por mim?
Quem?

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts