Não peço que me absolvam
Não peço que se dê ouvido ao som dos mortos que caem
Todos eles pagam a conta, todos eles mereceram
Morrer como iguais, todos estão morto em paz
Todos estão mortos em paz

Não apelem para o coração
Não me venham com drama falso outra vez
Eu não tenho pena de vocês
Luta segue a bíblia e alcorão ninguém é irmão
Ninguém entendeu o que o bem
Eu desejo que o sol caia no mar do seu peito
E o sol vá iluminar meus defeitos

O que eu não vou admitir é você zombar o assassino
Sem nem entender as razões
Deus também mata seus filhos
O estado deixa os seus famintos e ninguém condena a prisão
Todos calmos lavam as mãos
Quem é o assassino então?

Não apelem para o coração
Não me venham com drama falso outra vez
Eu não tenho pena de vocês
Luta segue a bíblia e alcorão ninguém é irmão
Ninguém entendeu o que o bem
Eu desejo que o sol caia no mar do seu peito
E o sol vá iluminar seus defeitos

Que punição se pode dar a um homem já preso
Que consolo você pode dar a um homem já morto

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir