Desfaz o que eu construí
E o que eu deixei pra trás
Eu não me arrependi tanto
E eu não me escondo quando tudo está estranho
E eu sei que eu vou te esquecer
Num dia longo em que a noite chegar como benção

E era sincera toda essa pose de mulher austera?
Quem dera fosse tudo falso e eu pudesse
Ver bem o que eu confundi
E o que eu deixei pra trás
Eu não me ofereci
Portanto eu não me importo quando tudo está estranho
E eu sei que eu vou te esquecer
Num dia morno em que a dor se cansar de doer
Num dia longo em que a noite chegar como benção.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir