Hoje eu vejo o seu rosto no mar
Você não sai de minha cabeça
Desde a sua partida eu não vivo em paz
Não desapareça
Em cada dia sol e em cada luar
Eu lembro não sei porque
Não entendo o seu disfarce
Não me faça esquecer de você
De você

Em sua primeira carta disse
Que estava com muita saudades
Mas que amar a distancia é uma lenda
Teu desejo é uma constante verdade
Então pra que continuar a sofrer sem liberdade
Já se foi do tempo de viver de sonhos
A realidade é sem você, sem você

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir