exibições 128

Moda dos Meses

Zé Pagão e Fostino


Quem ainda não casou
Não se case em janeiro
Que a desgraça desse mês
Se arrepete o ano inteiro

Não se case em fevereiro
Fevereiro e mês faiado
Quem se casa nesse mês
Os fio nasce aleijado

Não se case em mês de março
Nem que seja por decreto
Criança do mês de março
Nascem tudo anarfabeto

Não se case em mês de abril
Nem que seja pra ter gozo
Quem se casa nesse mês
Nasce os fio mentiroso

Cuidado com o mês de maio
Não se case nem à muque
Criança do mês de maio
Já vem dançando batuque

Criança do mês de junho
Nasce todo com mau cheiro
Já nasce sortando bomba
Desde o berço é fogueteiro

Não se case em mês de julho
Esse mês é pirigoso
Criança do mês de julho
Nasce todo revortoso

Agosto é mês do desgosto
Já gosto, gosto bem pouco
Quem se casa nesse mês
As criança nasce louco

Quem se casa em setembro
Precisa tê muita sorte
Que as criança mostra as cara
Berra independência ou morte

Em outubro seu Colombo
Descobriu o mundo novo
Quem nasce no mês de outubro
Acaba botando ovo

Em novembro seu Deodoro
Mostrou que tinha tutano
E as criança de novembro
Já nasce republicano

Quem chegou até dezembro
Vivendo sempre sortêro
Não vai estragar no fim
A sorte do ano inteiro

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir