Habilite sua assinatura e dê adeus aos anúncios

Habilitar
exibições 889.669

Entre a Serpente e a Estrela

Zé Ramalho

Há um brilho de faca
Onde o amor vier
E ninguém tem o mapa
Da alma da mulher

Ninguém sai com o coração
Sem sangrar ao tentar revelar
Um ser maravilhoso
Entre a serpente e a estrela

Um grande amor do passado
Se transforma em aversão
E os dois lado a lado
Corroem o coração

Não existe saudade mais cortante
Que a de um grande amor ausente
Dura feito um diamante
Corta a ilusão da gente

Toco a vida pra frente
Fingindo não sofrer
Mas o peito dormente
Espera um bem querer

E sei que não será surpresa
Se o futuro me trouxer
O passado de volta
Num semblante de mulher

O passado de volta
Num semblante de mulher

E sei que não será surpresa
Se o futuro me trouxer
O passado de volta
Num semblante de mulher

O passado de volta
Num semblante de mulher

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Paul Fraser / Terry Sttaford / Aldir Blanc. Essa informação está errada? Nos avise.

O significado desta letra foi gerado automaticamente.

Legendado por Nathalia e Ricardo. Revisões por 11 pessoas . Viu algum erro? Envie uma revisão.

Comentários

Envie dúvidas, explicações e curiosidades sobre a letra

0 / 500

Faça parte  dessa comunidade 

Tire dúvidas sobre idiomas, interaja com outros fãs de Zé Ramalho e vá além da letra da música.

Conheça o Letras Academy

Enviar para a central de dúvidas?

Dúvidas enviadas podem receber respostas de professores e alunos da plataforma.

Fixe este conteúdo com a aula:

0 / 500

Posts relacionados Ver mais no Blog


Opções de seleção