19 músicas bregas antigas que vão alegrar seu dia

Nostalgia · Por Érika Freire

5 de Novembro de 2019, às 20:00

Que saudade daquele videokê, embalado por músicas da Tetê Espíndola e do Sidney Magal! Nem adianta negar, pois a gente sabe que ouvir música brega é tudo de bom! 

O estilo se tornou bem brasileiro e ganhou destaque na década de 70. Os arranjos diferentes que se misturavam às letras românticas e um tanto exageradas ao falar sobre o amor, deram vida ao gênero que até hoje embala multidões.

Do bolero ao cabaré, o que importa mesmo é que no final todo mundo se diverte, não é verdade? Por isso, resolvemos relembrar algumas músicas bregas antigas pra gente dançar e cantar bem alto!

Vem com a gente que essa seleção promete!    

As melhores músicas bregas antigas

Tem alguns estilos de música que a gente não admite que gosta e até ouve baixinho pra não se queimar com o crush.

Mas alguém aí consegue ouvir Amado Batista sem fazer todo aquele drama? O brega tem disso: queremos colocar pra fora e exorcizar os fantasmas dos amores não correspondidos. Aí o resultado é volume alto! 😂

Se liga nessas pérolas e já aproveita e chama suas tias, pois elas vão adorar relembrar essas músicas bregas antigas! 

1. Garçom — Reginaldo Rossi 

Quem merece abrir a nossa seleção de músicas bregas é ele: o incrível Reginaldo Rossi com seu clássico Garçom. Lançada em 1987, a canção caiu na graça do povo em 1998, com o lançamento do álbum Reginaldo Rossi – Ao Vivo

2. O Amor e o Poder — Rosana 

Como uma deusa, você me mantém…

Nos anos 80, quase todas as casas tinham que tocar Rosana aos sábados, senão alguma coisa estava errada. 

O Amor e o Poder embalou churrascos, momentos de bad e virou trilha de novela. A música ficou diversas semanas no topo das paradas e faz parte do disco Coração Selvagem

3. Escrito Nas Estrelas — Tetê Espíndola 

Outra música brega cláaaassica e que arrasa nos videokês da vida. Escrito Nas Estrelas venceu o Festival dos Festivais, da Rede Globo, e desde então é conhecida por ser esse ícone entre as músicas bregas mais tocadas. 

4. O Meu Sangue Ferve Por Você — Sidney Magal 

Toda festa temática dos anos 80 que se preze tem que tocar Sidney Magal. Considerado um dos ícones do estilo brega, Magal embalou multidões com as músicas O Meu Sangue Ferve Por Você, Sandra Rosa Madalena, Me Chama Que Eu Vou, entre tantas outras. 

5. Muito Estranho — Dalto 

Nascido em Niterói, Dalto iniciou sua carreira em 1974 e o hit Muito Estranho é mais um daqueles clássicos do brega que merecem ser relembrados. Diversas canções de Dalto viraram trilhas de novelas e cerca de 7 álbuns foram lançados ao longo de sua carreira.   

6. Eu Não Sou Cachorro Não — Waldick Soriano

Ah, Waldick Soriano! Ele traduziu como ninguém a alma humana com o refrão eu não sou cachorro, não, pra viver tão humilhado…

A canção Eu Não Sou Cachorro Não foi um de seus grandes sucessos,  ao lado de Torturas de Amor

7. Princesa — Amado Batista 

Pensou que a gente ia esquecer dele, né? Jamais! Amado Batista continua firme e hoje tem mais de 43 anos de estrada. Princesa é uma ótima lembrança pra gente colocar o som bem alto e cantar junto com o grande Amado.

8. Foi Tudo Culpa do Amor — Diana 

Como sempre, tudo é culpa do amor. Quem aí discorda? 

A cantora e compositora Diana emplacou muitos hits na década de 70, como Foi Tudo Culpa do Amor, Uma Vez Mais, Um Mundo Só Pra Nós, entre outras.  

9. Fogo e Paixão — Wando 

O mineiro Wando tinha um apelido peculiar: obsceno. O título foi concedido graças à coleção de calcinhas das fãs que ele tinha. Sua carreira foi bastante representativa, com quase 30 álbuns lançados.

Para a lista, escolhermos Fogo e Paixão

10. Borbulhas de Amor — Fagner 

Tenho um coração dividido entre a esperança e a razão 

Oh, Fagner, a gente te entende! Borbulhas de Amor foi a primeira música de trabalho do álbum Pedras Que Cantam, lançado em 1991.  

11. Eu Vou Tirar Você Desse Lugar — Odair José

A carreira de Odair José passeou pelas músicas bregas, pegou uma carona na MPB e no rock.

Eu Vou Tirar Você Desse Lugar foi gravada em 1972 e fez o cantor estourar. Odair continua fazendo shows pelo Brasil e seu mais recente trabalho foi Gatos e Ratos, lançado em 2016.

12. Torturas de Amor — Waldick Soriano

Mais uma do mestre Waldick Soriano! Afinal, é pra relembrar músicas bregas de sucesso, não é mesmo? Pois bem! Torturas de Amor é outra ótima lembrança de um dos cantores mais bregueiros de todos os tempos!

13. Se As Flores Pudessem Falar — Nelson Ned

Nelson Ned foi um fenômeno do brega, chegando a vender 1 milhão de álbuns nos Estados Unidos. Se As Flores Pudessem Falar foi lançada em 1998 e sua letra é um verdadeiro poema, bem ao estilo das canções de Nelson Ned.

14. Índia — Paulo Sérgio 

A canção Índia se tornou uma das mais tocadas nas rádios nos anos 70, e mais tarde, o rei Roberto Carlos também deu uma nova roupagem com a sua voz. Sem dúvida, uma bela composição!

15. Folha Seca — Amado Batista  

Seria Amado Batista o mito da música brega? É uma discussão interessante! Mas o que a gente quer mesmo é ouvir e cantar bem alto mais um de seus sucessos, Folha Seca! 

16. Te Amo, Que Mais Posso Dizer? (Sem Você Não Viverei) — Ovelha

Se o crush reclamar, canta pra ele: Te Amo, Que Mais Posso Dizer?, mais um grande hit do brega nacional. Aliás, o cantor Ovelha foi descoberto por Luiz Gonzaga e nunca mais parou de emplacar seus sucessos.  

17. Uma Vida Só (Pare de Tomar a Pílula) — Odair José 

Odair José merece ou não merece contar com mais uma na nossa seleção de músicas bregas antigas? Claro que sim, e é por isso que agora a escolhida é a música Uma Vida Só.  

18. Aguenta Coração — José Augusto

Ah, pensou que íamos esquecer do querido José Augusto, né? Mas a gente não brinca em serviço, não! Aguenta Coração foi lançada nos anos 90 e entrou como tema da novela global Barriga de Aluguel.

19. Sandra Rosa Madalena — Sidney Magal   

E fechando essa seleção incrível, ela, a inigualável Sandra Rosa Madalena, a música que levanta qualquer festa entediante e faz todo mundo se abraçar e cantar junto no rolê. 😀

Continue ouvindo brega com a gente

Não quer quebrar esse clima maravilhoso? Continue com a gente ouvindo grandes sucessos do brega.

Playlist sem medo de ser brega