Foto do artista Choice

Tiroteio (part. ADL)

Choice


[Choice]
Eu tenho olhado quem me condena
Pensando seriamente se isso aqui vale a pena, an
Antes era uma batalha de rima
Mas agora essa batalha é contra todo um sistema
Sinceramente eu me vejo no dilema
De beber da mesma taça de quem me envenena
Pra me imunizar e não me afetar com o veneno
Pra envenenar de vez quem tá cagando na cena

(Choice, DK, Lord)
O dinheiro mata o inocente e o inocente se mata pra ter dinheiro
Por que ninguém quer ser quarto, terceiro ou segundo
Quer ser o primeiro
Pra alcançar o poder ou na base da grana ou do tiroteio
Vai ser na base do tiroteio
Sem desenrolo vai ser tiroteio
O dinheiro mata o inocente e o inocente se mata pra ter dinheiro
Por que ninguém quer ser quarto, terceiro ou segundo
Quer ser o primeiro
Pra alcançar o poder ou na base da grana ou do tiroteio
Vai ser na base do tiroteio
Sem desenrolo vai ser

[DK]
Escrevo cartas pique Antraz
Pra que os inimigos descansem em paz
As palavras são balas, uma vez disparada
Quando sai da boca não volta atrás
Chove dinheiro, chuva de tiro
Profissão perigo, meu tempo é curto
Atiro 700 vez por minuto, se eu fosse vocês nem tentava comigo
Não temos planos, cumprimo pena
Pra ter uns panos, vendemos um pino
Sonhando com a beca mas estão no beco
Ralando na boca e portando um bico
Vejo os menorzinho querendo ser bandido
Vocês não sabe um terço da vida do crime
Enquanto eu parei pra escrever essa letra
Parou um Fox preto e atirou em Ulisses
E a vida das pessoas já não são as mesmas
Passa ano e as pessoas já não são as mesmas
Quando chega o Natal, aquela pessoa especial
Na hora da Ceia não vai tá na mesa
MCs tão preocupados em tirar foto
Olha esses caras subindo nas coisas
Tô preocupado com MCs que são maldosos
Que pra alcançar o pódio tão subindo nas pessoas

[Lord]
Farra, fama fé, fome filhos
Tralha, pega a Fal, falha, não faz recarrega
Joga o jogo, vai refina, adrenalina, vício
Crack, cocaína, fogos e troca de tiro
Mil policias, cem bandidos, gritos foram ouvidos
Porém nunca foram vistos, Deus o livre se é seu filho
Pra não parar no trilho, eu andei na linha
Fui puro, ganhei condição, me dei condições
Porra, 700 mil de nós virou canções
Canções pra fazer o máximo de nós ganhar uns milhões
Sua cabeça vale a faculdade dos cria
A merenda na escola e o que a escola não ensina
O que é nosso de volta, então antes de morrer
Eu vou te afogar na sua piscina de dinheiro

[Choice]
Se eu tomo um tiro que culpa eu tenho?
Eu cheguei no meio do tiroteio
Cheguei na favela no tiroteio
Confundido e acertado em cheio
E se na sua cara eu mirasse?
Se dessa vez não fosse o favelado que morresse?
Se dessa vez não fosse o polícia que me matasse
Pela minha classe, sem que eu merecesse

O dinheiro mata o inocente e o inocente se mata pra ter dinheiro
Por que ninguém quer ser quarto, terceiro ou segundo
Quer ser o primeiro
Pra alcançar o poder ou na base da grana ou do tiroteio
Vai ser na base do tiroteio
Sem desenrolo vai ser tiroteio
O dinheiro mata o inocente e o inocente se mata pra ter dinheiro
Por que ninguém quer ser quarto, terceiro ou segundo
Quer ser o primeiro
Pra alcançar o poder ou na base da grana ou do tiroteio
Vai ser na base do tiroteio
Sem desenrolo vai ser

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir