Lá Vem Mangueira / Cabo Laurindo / Comício em Mangueira

Cristina Buarque


Lá vem Mangueira!
Outra vez descendo o morro
Com harmonia , lá vem Mangueira!
Vem Laurindo na frente da bateria
Perguntei: Conceição, O que aconteceu?
Laurindo foi pro som
Esse ano não desceu

Mandei perguntar : Sem ele aqui
A escola de samba podia sair?
Ele respondeu : Podem ensaiar
Porque o povo precisa sambar

Laurindo voltou
Coberto de glória,
Trazendo garboso no peito
A Cruz da Vitória.
Oi! Salgueiro, Mangueira,
Estácio, Matriz estão agindo
Para homenagear
O bravo cabo Laurindo!

As duas divisas que ele ganhou, mereceu.
Conheço os princípios
Que Laurindo sempre defendeu.
Amigo da verdade,
Defensor da igualdade.
Dizem que lá no morro
Vai haver transformação.
Camarada Laurindo,
Estamos à sua disposição!

Houve um comício em mangueira
E o cabo Laurindo falou
Toda escola de samba aplaudiu, ô
Toda escola de samba chorou
Eu não sou herói
Era comovente a sua voz
Heróis, são aqueles
Que tombaram por nós

Houve missa campal
Bandeira à meio pau
Toda escola de samba rezou
Laurindo então lembrou os nomes
Dos batuqueiros que tombaram
Mangueira tomou parte na vitória
Mangueira, mais uma vez na história

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts