Sozinho diante o tribuno cercado de homens a o condenar
Jesus estava sofrendo sem nada dizer
Um rei que foi desprezado e caluniado sem nada fazer
Ele era inocente e foi tido como um malfeitor

Pilatos olhando Jesus não tinha de que o acusar
Ele então lavou as suas mãos
Que crime Jesus cometeu nenhum homem pode dizer
Para muitos foi o crime de amar

Levado para o matadouro não abriu sua boca de tanto me amar
Jesus que amor tão profundo tiveste por nós
Erguido no alto do monte tremendo de dor pedia ao pai
Perdão pra seus inimigos chorando de amor

Oh, meu doce Jesus, meus olhos desejam te ver
Contemplar-te na tua mansão
Oh, que grande prazer é de um dia contigo ir morar
E os teus pés Jesus eu quisera beijar
Eu quisera beijar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog